Moleque empata em casa e dificulta seu acesso

Futebol 

O Juventus empatou com o Penapolense por 0 a 0, neste sábado (01/05), em partida válida pela 4ª rodada da 2ª fase do Campeonato Paulista da Série A3, realizada no Estádio Conde Rodolfo Crespi.

A equipe grená entrou em campo com Gustavo, Bruno, Eron, Raphael, Magno, Fabinho, Ricardo Angelo, Alex Alves (Fernandinho), Wesley, Marco Aurélio (Nem) e Ivan Paraná (Alê).

Com este resultado, o Juventus necessita agora vencer os dois jogos que lhe restam para ainda sonhar com o acesso.

No 1º tempo, a equipe visitante criou mais oportunidades de gol do que o time da casa, que lutava, mas não conseguia chegar ao ataque com eficiência.

Aos 03 minutos, na sobra do escanteio, o atacante juventino Ivan Paraná chutou a bola para fora.

Aos 07, o arqueiro Gustavo defendeu uma falta perigosa, evitando que o adversário abrisse o placar na Javari.

Aos 25 minutos, a jogada perigosa do Penapolense foi interceptada por Gustavo.

Aos 29, o ataque visitante novamente levou perigo ao gol de Gustavo.

Aos 30, o jogador de Penápolis chutou para fora e, aos 41 minutos, bateu por cima da meta juventina.

Na 2ª etapa, o Penapolense continuou pressionando e neutralizando as jogadas do Moleque.

Aos 14 minutos, o atacante de Penapólis desperdiçou uma chance clara, quando na cara do gol, chutou a bola para fora.

Aos 17, o Juventus teve a melhor chance da partida, quando Fernandinho deu um forte chute e o arqueiro visitante mandou a bola para escanteio.

Aos 19 minutos, a equipe da casa criou outra grande oportunidade, mas sem êxito.

Aos 22, após cobrança de falta, Gustavo fez uma bela defesa desviando a bola para escanteio.

Aos 28 minutos, foi a vez de Fabinho chutar por cima do gol de Penapólis.

Aos 31, após cabeçada do atacante penapolense, Gustavo defendeu também de cabeça e a zaga juventina afastou o perigo.

Aos 35 minutos, em mais uma ofensiva do time visitante, o zagueiro Raphael tirou a bola, mas ainda sobrou para o atacante de Penapólis, que bateu para fora.

Sem mais oportunidades de gol, a partida terminou em 0 a 0.

A torcida grená novamente compareceu em grande número. A Javari recebeu um púbico de 2.302 pagantes e a renda do jogo foi de R$ 14.010,00.

Para o treinador Betinho, ainda resta esperança para o acesso à Série A 2. “Precisamos continuar trabalhando, porque ainda depende dos nossos esforços, temos que conseguir a vitória diante do Palmeiras. Infelizmente foram quatro jogos e não conseguimos o resultado positivo, mas a equipe vem buscando. É lógico que, hoje, tanto os jogadores como eu saímos chateados por não ter alcançado a vitória, mas buscamos, lutamos até o final, e isso é importante, é um time que não se entrega”, afirmou Betinho.

O treinador ainda acrescentou: “Agora precisamos juntar os cacos e pensar exclusivamente no Palmeiras. Sabemos que podemos fazer um grande jogo aqui como nós já fizemos, conseguir os três pontos e manter a chama acesa”.

O Juventus enfrenta o Palmeiras na próxima quarta-feira (05/05), às 15h00, no Estádio da Rua Javari.